X

Corpo clínico do hospital recebe treinamento com ilusionismo


Em 19/06/2008 às 12h44

Envolvidos diretamente nos processos de qualidade da instituição, o corpo clínico recebeu na quinta, 12, um treinamento especial, organizado pela equipe gestora da qualidade. Em uma apresentação de ilusionismo do consultor Daniel Bizon, os médicos do Hospital do Câncer de Muriaé puderam ter acesso a informações de verdadeira relevância a cerca do papel de cada um no processo de qualidade.<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" />

A manhã de quinta-feira que costumava ser ocupada com uma reunião clínica, ganhou uma nova tônica. Agrupados no auditório para falar de qualidade, grande parte dos médicos da instituição tiveram a oportunidade de ter acesso aos principais aspectos relacionados à sua atuação profissional dentro de um novo contexto da saúde.

Através de estratégias não-convencionais, como define Bizon, temas ligados à cooperação e gestão de resultados foram abordados de forma interativa e inusitada.

A participação dos médicos em dinâmicas rápidas e mágicas ilusionistas envolveram as equipes que, através das atividades desenvolvidas no palco, puderam perceber a importância de atitudes simples.

Essa iniciativa faz parte de ações desenvolvidas pela Gestão da Qualidade para promover o sentido de trabalhar com qualidade em todos os âmbitos. O objetivo é oferecer sempre um serviço de diferenciado, aliando tecnologia, equipe qualificada e atendimento humanizado.

 

 

Daniel Bizon é consultor <?xml:namespace prefix = st1 ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:smarttags" />em desenvolvimento corporativo. Seu trabalho é voltado para ações diferenciadas de marketing e treinamento de equipes. Pós-graduando no MBA em Marketing Estratégico pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC, ele utiliza estratégias não-convencionais para facilitar a absorção da informação e retenção do conhecimento, seja em uma ação comercial ou de aprendizagem. Sua formação mescla elementos mercadológicos e artísticos, compondo um perfil diferente e eficiente.

 

Pesquisador do comportamento humano e da ciência de mercado, suas abordagens giram em torno de temas do universo corporativo para o desenvolvimento interno e externo das organizações e das pessoas que as integram.

 

 

Compartilhe