X

Biologia Molecular


A descoberta de novas mutações relacionadas ao câncer resultou em um maior entendimento sobre suas causas, evolução e busca da prevenção. Para que estes fatores genéticos sejam investigados, novas ferramentas foram criadas para que o diagnóstico seja mais sensível e específico com maior margem de segurança, garantindo um melhor atendimento ao paciente.

O setor de Biologia Molecular do Hospital do Câncer de Muriaé – Fundação Cristiano Varella foi planejado e criado desde 2016 com o objetivo de oferecer diagnósticos genéticos e moleculares de precisão importantes nas etapas de prevenção, rastreamento e tratamento do câncer. Fruto de uma necessidade regional, na qual há escassez de serviços de diagnóstico molecular, este setor permitirá que a população tenha acesso a variados testes genéticos relacionados ao câncer.

O setor está equipado com máquinas de alta tecnologia encontradas em grandes instituições do mundo como o sequenciador de nova geração do sistema Ion Torrent que é capaz de sequenciar entre 400 mil e 5 milhões de sequências com um tamanho médio entre 200 e 400 nucleotídeos e o equipamento de PCR em tempo real, o QuantStudio 3.
 

Importância do diagnóstico molecular:

O setor de Biologia Molecular oferece, atualmente, exames genéticos voltados para as Leucemias, Síndromes Mieloproliferativas e Câncer de Mama e Ovário. O fácil acesso aos testes genéticos permite a determinação do diagnóstico de forma precisa e uma rápida tomada de decisão do corpo clínico para o tratamento do câncer em busca de melhor qualidade de vida para o paciente. Além disso, o teste genético pode proporcionar o aconselhamento genético para casos de doenças hereditárias, quando se trata de indivíduos com predisposição ao câncer familial.


Exames oferecidos na instituição:

- Investigação da mutação no gene JAK2 (exon 14)
- Investigação da fusão dos genes BCR ABL (isoformas b3a2, b2a2 e e1a2)
- Sequenciamento NGS dos genes BRCA1 e BRCA2 


Compartilhe