www.fcv.org.br

Artigos

10/05/2017 - 13h14m

Versão para impressão
Enviar por e-mail

Em uma parceria entre a Fundação Cristiano Varella e o Unifaminas, nesta quarta-feira (10), 93 acadêmicos de Medicina do Unifaminas se mobilizaram para doarem sangue com uma destinação certa, para reposição dos estoques do Hospital do Câncer de Muriaé (HCM).

A Fundação Cristiano Varella cedeu um ônibus da instituição para o transporte dos acadêmicos. Por volta das 8h, uma parte dos estudantes que se inscreveram nessa boa ação foram transportados até a Policlínica do Safira para realizarem a coleta. No decorrer do dia, o restante dos inscritos comparecerão ao posto de coleta, conforme informou a coordenação do grupo.

A iniciativa de praticar a doação de sangue foi dos próprios acadêmicos de Medicina. Através de uma parceria firmada com uma ONG internacional - "IFMSA Brazil". Os estudantes que participarem dessa ação receberão um certificado que será revertido em horas complementares para o curso. Aliando a prática do amor ao próximo com benefícios para os estudos, eles puderam com este nobre gesto aumentar o número de bolsas de sangue nos estoques do Hospital do Câncer de Muriaé da Fundação Cristiano.

De acordo com Verônica Demarque, coordenadora da Agência Transfusional do Hospital do Câncer de Muriaé, os hemocentros de uma forma geral estão precisando de reabastecimento devido a vacinação contra a febre amarela, "a pessoa que tomou a vacina contra a febre amarela fica impossibilitada de doar sangue por três meses a partir da data da imunização", e ela ainda completou, "portanto por causa da baixa nos estoques aumenta a necessidade de captadores". Que mais pessoas possam seguir esse belo exemplo! 

A Fundação Cristiano Varella agradece este nobre gesto que será revertido em vida e força para os pacientes oncológicos da instituição.