www.fcv.org.br

Artigos

Imprensa

17/05/2018 - 11h03m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
No dia 16 de maio, o Memorial da Fundação Cristiano Varella, recebeu grandes autoridades para a solenidade de entrega da Medalha do Mérito Muriaeense José Alencar Gomes da Silva.
Durante o evento, além da homenagem a 30 personalidades, comemorou-se os 163 aos de Emancipação Política e Administrativa de Muriaé.
Dentre os que receberam a honraria, estava o Diretor Administrativo da Fundação Cristiano Varella, Sérgio Henriques, onde o mesmo recebeu do prefeito de Muriaé, Ioanni Konstantinos Grammatikopoulos (Grego), o certificado de outorga da Medalha do Mérito Muriaeense – José Alencar Gomes da Silva, pelos relevantes serviços prestados ao município e toda à população.

Minibiografia Sérgio Dias Henriques:

Sérgio Dias Henriques nasceu em Santa Mercedes, São Paulo, em 7 de julho de 1964. Com graduação em Ciências Contábeis e em Administração de Empresas, além de pós-graduações em Gestão Hospitalar e de Negócios, é membro da Associação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Combate ao Câncer e da Federação Brasileira de Administradores Hospitalares. Ao longo de sua vida profissional, atuou na administração de vários hospitais em Minas Gerais – entre eles, o Hospital São Paulo da nossa cidade. Desde 2002, está à frente da Fundação Cristiano Varella / Hospital do Câncer de Muriaé, instituição que se tornou referência no atendimento oncológico pela qualidade dos serviços prestados e pela humanização na assistência aos pacientes.

Lista dos homenageados:

ALINNE ARQUETTE LEITE NOVAIS
ALOYSIO NAVARRO DE AQUINO
ANELISA DUTRA GLÓRIA
ARISTEO SALING
CARLOS EDUARDO SOUZA CASTRO
CARLOS FRANCISCO LEVATE
CARLOS HENRIQUE ALVES DA SILVA
CARLOS ROBERTO MOREIRA DE OLIVEIRA
CLAUDIO POMPEI
ELSA E ELZA ANTONIETO
EROS BIONDINI
EVANDRO BARTHOLOMEI VIDAL
EVANDRO HASSEN FREIRE
GUSTAVO SANTANA
HENRIQUE MARTINS NOLASCO SOBRINHO
ÍSSIS CAVALIER CABRAL
JACY DE PAULA HOMEM
JOÃO FRANCA CIRIBELLI DE CARVALHO
JOEDSON FLAVIANO GOMES
JOSÉ ROBERTO MACHADO DEMÉTRIO
LUIZ ANTÔNIO CRISPI DE ARAÚJO
LYDIO MIGUEL BANDEIRA DE MELO
MANOEL DIAS NERY
MARIA STELA CERQUEIRA DORNELAS
MÁRIO LÚCIO HERINGER
NELIO MONTEIRO
RAPHAEL SOARES MOREIRA CESAR BORBA
RENATO GRIZOTTI JÚNIOR
SÉRGIO DIAS HENRIQUES
VITOR VALVERDE







16/04/2018 - 10h30m - Atualizado em 16/04/2018 - 11h52m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
Na sexta-feira, dia 13 de abril, representantes do Hospital São Vicente de Paulo, de Ubá-MG, estiveram reunidos com o Diretor Administrativo da Fundação Cristiano Varella, Sérgio Henriques, e o presidente da FCV, Eduardo Goulart, para a assinatura de uma escritura que consiste na doação de um terreno à Fundação. 

Este terreno estará na responsabilidade da Fundação Cristiano Varella, que por sua vez, cuidará da parte de construção de um local que em breve funcionará as dependências do tratamento oncológico do HSVP e FCV. O objetivo é minimizar e aliviar o sofrimento de pessoas acometidas pelo câncer, atendendo Ubá e região com a qualidade da Fundação Cristiano Varella.

De início, o serviço adicional prestado será o de quimioterapia e futuramente a ideia é abranger para demais tratamentos, como a radioterapia.

"Sem dúvida, esse dia é um marco inicial desse projeto. Estamos com o documento assinado, com o nosso termo de parceria assinado com o hospital e a escritura pública de inserção do espaço físico também já sendo concretizada, saindo o seu registro. Acho que agora estamos com tudo pronto e podemos dizer que a parceria está concreta", afirma Sérgio Henriques. 

Fonte/fotos/vídeos: Ubá News (Carlos Roberto Sodré)











11/04/2018 - 11h31m - Atualizado em 11/04/2018 - 13h18m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
No dia 10 de abril, a Fundação Cristiano Varella recebeu a ilustre visita do Ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab. Além do Ministro, outras autoridades como os deputados Diego Andrade, Stefano Aguiar, Marcos Montes, Raquel Muniz, Cássio Soares e Doutor Wilson Batista, acompanharam a visita nas instalações do Hospital do Câncer de Muriaé.

A visitação se iniciou no Memorial, onde se encontram as histórias e as estátuas de cera do patrono, Cristiano Varella e do idealizador da Fundação Cristiano Varella, Lael Varella, produzidas pelo Museu de Cera Madame Tussauds. Em seguida, os visitantes conheceram parte da estrutura e serviços oferecidos no Hospital do Câncer de Muriaé como, Diagnóstico por Imagem, Radioterapia, Quimioterapia, Ambulatório de Triagem e o nosso Centro de Educação Corporativa com laboratórios realísticos e manequins que simulam a fisiologia humana.

Foi um prazer receber todas as autoridades em nossa instituição que, além de oferecer tratamento completo no combate ao câncer, se dedica a cuidar de seus pacientes com amor de humanização.







13/03/2018 - 09h27m

Versão para impressão
Enviar por e-mail

No dia 12 de março de 2018, foi realizada no Hospital do Câncer de Muriaé da Fundação Cristiano Varella, a primeira cirurgia de Prostatectomia Radical Videolaparoscópica. A cirurgia foi realizada por uma equipe de médicos urologistas que atuam na instituição, Dr. Abílio de Castro Almeida, Dr. Daniel Carvalho Ribeiro e Dr. Pedro Ribeiro da Mota.

A Prostatectomia Videolaparoscópica, é o nome dado à cirurgia de retirada da próstata e vesícula seminal através da laparoscopia. O procedimento é realizado com distensão do abdome com gás, permitindo a movimentação de pinças no interior da cavidade abdominal. Essas pinças são introduzidas através de pequenas incisões (cortes) e são manipuladas diretamente pelo cirurgião. Esse procedimento foi feito pela primeira vez em 1991 nos EUA, mas foi aprimorando em Paris (França) no final da década de 90. O acesso permite a introdução da câmara de vídeo (endoscópio) e visibilizar estruturas dificilmente vistas na cirurgia aberta e com melhor definição de detalhes.

Além disso, a realização do procedimento por meio de pequenas incisões, de 0,5 a 1cm, resulta em algumas vantagens em relação a cirurgia aberta:

- Menor dor no pós operatório

- Menor incidência de infecção

- Menor perda de sangue

- Menor incidência de hérnia incisional

- Recuperação mais rápida

- Regresso mais rápido a atividade profissional

- Melhor visualização do feixe vásculo nervoso, o que possibilita a preservação do mesmo e melhor retorno da função erétil

A Prostatectomia Radical Videolaparoscópica, é um procedimento cirúrgico minimamente invasivo e conta com tecnologias modernas para realizar a cirurgia de forma precisa, como a fibra ótica e a magnificação da imagem pela visão ampliada.

Para a realização desse tipo de procedimento, o hospital necessita ter uma equipe de cirurgiões altamente capacitados e habilitados, e a Fundação Cristiano Varella, Hospital do Câncer de Muriaé, conta com uma equipe de especialistas, prontos para cuidar da saúde dos pacientes com humanização, qualidade e eficiência.

Currículos dos ciurgiões citados:

- Dr. Daniel Carvalho Ribeiro
Membro da Sociedade Brasileira de Urologia
Membro da Sociedade Europeia de Urologia
Membro da Sociedade Brasileira de cirurgia minimamente invasiva e Robótica
Fellowship em Uro-Oncologia pelo Instituto Nacional de Câncer
Mestrando pela Universidade Federal Fluminense (UFF)
Urologista do Hospital do Câncer de Muriaé da Fundação Cristiano Varella

- Dr. Abílio de Castro Almeida
Titular da Sociedade Brasileira de Urologia
Fellowship em Urooncologia no Hospital do Câncer de Barretos
Coordenador do Serviço de Urooncologia do Hospital do Câncer de Muriaé da Fundação Cristiano Varella

- Dr. Pedro Ribeiro da Mota
Graduação em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais
Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Governador Israel Pinheiro - Belo Horizonte
Residência Médica em Urologia no Hospital Santa Marcelina - São Paulo
Titular da Sociedade Brasileira de Urologia







06/03/2018 - 09h12m - Atualizado em 07/03/2018 - 08h12m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
Durante os próximos meses, o projeto Troco Solidário, dos supermercados Bahamas Mix e Empório Bahamas de Muriaé, escolheram como instituição beneficiada a Fundação Cristiano Varella para receber a doação do valor arrecadado durante esse período.

Esse projeto da rede Bahamas chamado "Troco Solidário", reverte em doações os trocos dos clientes dos supermercados, que são destinadas às entidades sociais locais. O projeto faz parte do planejamento estratégico do Grupo Bahamas, que busca crescimento sustentável baseado nas ações socioambientais que são desenvolvidas anualmente.

No dia 05 de março, o diretor da Fundação Cristiano Varella, Sérgio Henriques, juntamente com o Gerente Administrativo, Pedro Paulo Cavalher e representantes dos setores do Telemarketing e Marketing da FCV, estiveram presentes no supermercado Bahamas Mix de Muriaé para formalizar a parceria. 
Na ocasião, a equipe da FCV conversou com os operadores de caixa do supermercado, colaboradores esses que estarão totalmente envolvidos nessa parceria. Para mobilizá-los, foram apresentados os serviços realizados pelo hospital e ressaltada a importância de projetos sociais como esse para a manutenção dos serviços de qualidade prestados pela instituição.

Sérgio Alves de Souza, gerente do Bahamas Mix Muriaé, destacou a importância dessa parceria e se dispôs a colaborar e quem sabe estender essa parceria com a instituição. "Para doar, o processo é simples. Os operadores de caixa perguntarão aos clientes se eles querem doar o troco. Caso a opção seja aceita, o processo será feito automaticamente através da operação eletrônica, que será registrada no cupom", informou o gerente.

A doação não é dedutível de imposto de renda, tanto para os clientes ou para o supermercado. Por isso o repasse das doações será realizado de forma integral, ou seja, 100% do valor arrecadado.

A Fundação Cristiano Varella agradece a parceria com os supermercados Bahamas Mix e Empório Bahamas e desde já convida à população a participar da campanha Troco Solidário, um ação em prol da luta contra o câncer.







27/02/2018 - 13h47m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
Na noite do dia 26 de fevereiro, foi inaugurada em Cataguases a nova sede da Energisa Minas Gerais. Além da inauguração, a data comemorou o aniversário de 113 anos do Grupo Energisa.

O idealizador e o diretor da Fundação Cristiano Varella, Lael Varella e Sérgio Henriques, marcaram presença no evento do empresário, amigo e presidente do Conselho de Administração da Energisa, Ivan Muller Botelho.

A nova sede foi projetada pensando na união entre sustentabilidade e tecnologia, levando em conta os aspectos econômico, ambiental, social, além de conforto e saúde com o objetivo de oferecer melhores condições de trabalho aos colaboradores, respeitando o meio ambiente. Ainda há na sede um sistema de coleta de água de chuva e climatização para uso na limpeza e jardinagem. Uma obra de 9 mil metros quadrados, que contratou mais de 20 empresas e gerou 150 empregos diretos.

Em sua fachada, a sede possui o painel "Céu Modernista", obra criada por Mônica Botelho e Cláudio Rodrigues, executada pela equipe da Energisa e comandada pelo engenheiro Vicente Costa. O painel é mais que uma homenagem à arquitetura moderna brasileira, representa o aparecimento de uma empresa de energia elétrica em uma região ainda rural, Zona da Mata Mineira, na primeira década do século passado, no início do seu processo de industrialização.

A cerimônia contou com a presença dos prefeitos, vereadores, representantes de indústrias, comércios e diversas outras autoridades dos municípios de Cataguases, Muriaé, Santana de Cataguases, Miraí e Dona Eusébia. 

Fonte e fotos: Silvan Alves e Mídia Mineira







16/02/2018 - 13h43m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
Para que as pessoas possam ter mais consciência sobre o uso de bebidas alcoólicas e seus malefícios, o dia 18 de fevereiro é lembrado como o "Dia Nacional de Combate ao Alcoolismo". Uma dúvida muito comum é se o consumo de bebidas alcoólicas pode aumentar o risco de desenvolver um câncer. E a resposta é positiva. A relação entre o álcool e o câncer tem sido avaliada no Brasil, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), por meio de estudos, que estabelecem uma associação epidemiológica entre a ingestão da bebida e a doença na cavidade bucal e no esôfago.

Efeitos do álcool
Além de ser agente causal de cirrose hepática, o alcoolismo está relacionado a 2-4% das mortes por câncer. O álcool tem ainda a capacidade de alterar o sistema nervoso central, podendo modificar o comportamento de quem faz o uso da bebida. Por ter um efeito prazeroso, induz à repetição, podendo levar a dependência.

Os efeitos variam de acordo com a rapidez e a freqüência com que é ingerido, com a quantidade de alimentos consumidos durante a ingestão de bebidas alcoólicas e com o peso da pessoa. Ao entrar no corpo humano, atinge rapidamente a corrente sanguínea e provoca, mesmo que em doses pequenas, a diminuição da coordenação motora e dos reflexos, o estado de euforia e a desinibição.

De acordo com o Inca, o conselho para as pessoas que optarem por ingerir a bebida é que limitem o consumo para menos de dois drinques por dia para homens e menos de um para mulheres. Mulheres grávidas, crianças e adolescentes não devem ingerir bebida alcoólica.


Tipos de Câncer relacionados ao Álcool:
- Câncer de boca e orofaringe
- Câncer de faringe
- Câncer de laringe
- Câncer de esôfago
- Câncer de fígado
- Câncer colorretal
- Câncer de mama
- Câncer do pâncreas

Risco
A forma exata de como o álcool aumenta o risco de câncer ainda não é totalmente conhecida. Pesquisas mostram que, na verdade, podem existir várias maneiras diferentes que levam a isso.

O álcool pode atuar como um irritante, danificando tecidos especialmente na boca e na garganta. As células prejudicadas podem tentar se reparar, o que pode levar a alterações de DNA delas, podendo, eventualmente, terminar no desenvolvimento de um câncer, devido à produção desordenada de células. O álcool e seus derivados podem também danificar o fígado, levando a inflamação, reparação e cicatrização. Ao tentar se reparar, as células do fígado podem adquirir erros em seu código genético.

Além disso, o consumo de bebida alcoólica pode levar a diminuição dos níveis de ácido fólico, uma vitamina necessária para que as células do corpo se mantenham saudáveis. O álcool pode levar o organismo a não conseguir absorver a quantidade exata de ácido fólico dos alimentos.

Fonte: hcancerbarretos.com.br





05/02/2018 - 11h46m - Atualizado em 05/02/2018 - 11h49m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
Para comemorar o Dia Mundial de Câncer, o INCA lançou a publicação Estimativa 2018 – Incidência de Câncer no Brasil.  Com exceção do câncer de pele não-melanoma, os tipos de câncer mais frequentes serão os cânceres de próstata (68.220 casos novos) em homens e mama (59.700 mil) em mulheres. Além dos citados, completam a lista dos dez tipos de câncer mais incidentes: cólon e reto (intestino – 36.360), pulmão (31.270), estômago (21.290), colo do útero (16.370), cavidade oral (14.700), sistema nervoso central (11.320), leucemias (10.800) e esôfago (10.970).

"Esta publicação é uma fotografia do cenário atual do câncer no Brasil e uma importante ferramenta para o controle da doença, uma vez que auxilia no planejamento de políticas públicas e gestão dos recursos, além de alertar a população para a adoção de hábitos saudáveis", ressaltou a diretora-geral do INCA, Ana Cristina Pinho.

"A incidência de câncer no mundo cresceu 20% da última década. O impacto se dá principalmente nos países de média e baixa renda", explicou Marceli de Oliveira, da Divisão de Vigilância e Análise de Situação, da Coordenação de Prevenção e Vigilância (Conprev) do INCA. O câncer de intestino ocupa a cada dia mais espaço, como nos países desenvolvidos, mas ainda há regiões com cânceres relacionados a infecções, como colo do útero e estômago, entre os mais prevalentes.

Fonte: Inca

Veja o vídeo produzido pela Fundação Cristiano Varella: